Pingo Doce
Pesquisa Pesquisa Área de Utilizador
Poupa MaisPoupa Mais

Como conservar ervas aromáticas

Como conservar ervas aromáticas
As ervas aromáticas são indispensáveis em qualquer cozinha. Além de darem mais sabor aos mais variados pratos, são óptimas para compor o ambiente e algumas até têm propriedades medicinais. Aprenda a conservar as suas ervas aromáticas por mais tempo com estas dicas muito fáceis e dê mais cor aos seus cozinhados.
Link copiado

Frescas

No geral, frescas não duram mais do que alguns dias e devem ser guardadas no frigorífico. No caso do manjericão, aguenta melhor à temperatura ambiente; basta mergulhá-las (pelo talo) num recipiente com água.

Frescas
Preparação

Saiba como conservar ervas aromáticas frescas no frigorífico:

Seleccione as ervas e coloque-as em molhos. Humedeça papel absorvente de cozinha. Enrole os molhos das ervas. Coloque-as em sacos de plástico parcialmente abertos e guarde no frigorífico.

Secas

Conservam-se por mais tempo e são muito práticas de ter à mão. As melhores para secar e que conservam o sabor por mais tempo são o tomilho, os orégãos, o alecrim e o louro.

Secas
Preparação

Coloque-as em frascos, devidamente identificados com a data e nome, até 12 meses. O microondas é uma boa forma de o fazer porque elimina a água sem interferir nos compostos oleosos. Também pode colocá-las entre duas folhas de papel vegetal e colocar ao sol.

Em azeite

Aromatizar azeites é outra forma de conservar as ervas. Se o fizer mantenha a garrafa no frigorífico e consuma em duas ou três semanas.

Em azeite

Em sal marinho

Conservar ervas aromáticas em sal marinho é um verdadeiro 2 em 1: tempera com sal e com as ervas, enquanto dá gosto aos seus pratos. Não se esqueça que as ervas substituem o sal; utilize esta mistura com moderação.

Em sal marinho
Ingredientes

100 g de sal marinho, 10 g de alecrim, 25 g de manjericão e 15 g de orégano.

Preparação

Para uma conserva de ervas e sal marinho, coloque todos os ingredientes na Chef Express ou num robot de cozinha e triture tudo.

Guarde num frasco de vidro com tampa.

Jardim de ervas aromáticas

Plantar ervas aromáticas em pequenos vasos ou no quintal é o ideal. São plantas fáceis de lidar e que se adaptam bem dentro ou fora de casa.


No entanto, há que ter em conta que é antes de florescerem que as ervas aromáticas têm melhor sabor. Se cortar as plantas em intervalos regulares vai estimular o crescimento da planta.

Jardim de ervas aromáticas
Preparação

A hora ideal para a “colheita” é a meio da manhã, uma vez que ao final do dia, sobretudo em épocas quentes, as plantas tendem a murchar devido ao sol.

Tenha particular atenção à lavagem: faça-o com muito cuidado, em água corrente fria, para retirar todos os vestígios de terra. Depois de bem lavadas, prepare as ervas aromáticas a seu gosto.

Receba novas receitas todas as semanas
Subscrever newsletter
Já tem a sua revista Sabe bem?
Comprar revista
De momento não foi possível processar o seu pedido, por favor tente mais tarde