Ingredientes

  • 800 g (2 unid.) robalo da Costa Alentejana
  • 2 c. de chá sal
  • 2 c. de chá alho em pó
  • qb pimenta de moinho
  • 150 g ervilhas tortas
  • 500 g batatas para assar
  • 200 g ervilhas congeladas
  • 3 c. de sopa azeite
  • 100 g agrião (folhas)
  • 1 limão (sumo)
  • qb aneto

Preparação

  • 1. Na peixaria, peça que lhe retirem os lombos do robalo, sem as espinhas. Tempere-os com meia colher de chá de sal, uma colher de chá de alho em pó e pimenta moída na altura.
  • 2. Apare as pontas das ervilhas tortas, coloque-as numa taça, cubra com água a ferver e reserve-o.
  • 3. Lave muito bem as batatas e consoante o tamanho corte-as ao meio ou em quartos. Coloque num tacho, cubra com água e tempere com o restante sal e cozinhe sobre lume moderado durante cerca de 15 minutos. Junte as ervilhas, já descongeladas, e ferva durante mais 5 minutos. Retire do lume, escorra a água muito bem e volte a levar ao lume. Regue com metade do azeite, polvilhe com o restante alho em pó e de seguida mexa, esmagando ligeiramente com um garfo, até a mistura começar a alourar. Reserve.
  • 4. Entretanto, numa frigideira antiaderente, aqueça muito bem o restante azeite e introduza nela os lombos de robalo com a pele virada para baixo e deixe cozinhar cerca de 3 a 4 minutos. Vire o peixe cuidadosamente e cozinhe mais 2 a 3 minutos do outro lado.
  • 5. Escorra muito bem as ervilhas tortas, enxugue com papel de cozinha e misture-as com o agrião numa taça. Reserve.
  • 6. Regue o peixe com sumo de limão e salpique com aneto picado. Sirva com a esmagada de batata e ervilhas, e acompanhe com a salada de ervilhas e agrião.
  • 7. Enfeite com gomos de limão.
Nota: Aproveite as cabeças e espinhas para preparar um caldo, e use-o em receitas de massa, arroz ou sopa.
Dose Adulto
% do VDR
Energia 372 Kcal 19 %
Gordura 16,5 g 24 %
das quais saturadas 3,2 g 16 %
Hidratos de carbono 31,5 g
dos quais açúcares 4,5 g 5 %
Fibra 6,3 g 25 %
Proteínas 23,3 g
Leia atentamente o rótulo dos produtos que usar como ingredientes