Pesquisa Pesquisa Área de Utilizador
Fechar pesquisa
Poupa MaisPoupa Mais

Conheça os diferentes tipos de massa

Conheça os diferentes tipos de massa
Esparguete, penne, farfalle, tagliatelle... são muitos os tipos de massa que fazem as delícias dos apreciadores de comida italiana. Com tantas opções pode ser difícil a escolha e perceber as diferenças entre elas. Nós damos uma ajuda.
Link copiado

No seu Pingo Doce pode encontrar a gama Sabores italianos com diferentes tipos de massa, massas secas, massas frescas e massas prontas a comer. Junte-lhes os molhos Pingo Doce de tomate e basílico, molho para bolonhesa ou molho pesto e consiga refeições rápidas e cheias de sabor! Já as massas de Sabores Orientais contam com os Noodles de camarão e os de frango.

Massas secas

As massas italianas secas podem ser classificadas, de acordo com a forma, em diferentes categorias.

Curtas: em espiral (fusili, farfalle), tubulares (rigatoni, penne), em concha (conchiglie, lumaconi).
Longas: fettucine, linguine, tagliatelle, esparguete, lasagnette, aletria.

Ingredientes: farinha, água e sal
Preparação: Tempo de cozedura: al dente (7 minutos), macia (9 minutos)
Conservar: vários meses em frascos

massas italianas secas

Massas recheadas

As massas recheadas italianas de acordo com a forma têm diferentes nomes como: Canelone, tortellini, lasagna, gnocchi, cappelleti, fagottini, ravioli, sorrentino.

Ingredientes: farinha, água, sal, ovos e recheio
Preparação: Tempo de cozedura: variável
Conservar: até 2 dias (frescas), até vários meses (secas)

massas italianas recheadas

Massas frescas

As massas italianas frescas, nas suas diferentes formas como gnocchi, cappelleti, tortellini, lasagna, ravioli, sorrentino, fettucine têm um modo de preparação e tempo de cozedura diferente das secas.

Ingredientes: farinha, água, sal, ovos
Tempo de cozedura: 3 a 4 minutos
Conservar: até 3 dias no frigorífico

massas frescas

Noodles

Apesar da popularidade da massa italiana, foram os chineses os primeiros a desenvolver a arte de fazer noodles, algures antes do século II a.C, crê-se. Também foi ali que surgiu a massa recheada, os dumplings, cozidos ao vapor ou fritos.

Conheça os diferentes tipos de massas orientais: massa fina de ovos, soba, somen, udon, massa celofane, massa de arroz, won ton.

Ingredientes: farinha de trigo/arroz/trigo-sarraceno/milho, água, sal, ovos
Tempo de cozedura: variável
Conservar: até 2 dias (frescas), até vários meses (secas)

Conheça os diferentes tipos de massas orientais

Casamentos perfeitos

Massas italianas secas

As massas longas e finas são perfeitas para molhos delicados à base de azeite e de creme de leite com pequenos ingredientes (azeitonas, ervilhas, alcaparras).
Sugestão: massa tagliatelle nido Pingo Doce + molho de tomate e basílico Pingo Doce
As massas curtas, em espiral, são perfeitas para molhos de texturas leves como o molho pesto.
Sugestão: massa fusili Pingo Doce + molho pesto Pingo Doce

Massas italianas recheadas

As massas recheadas são perfeitas para serem servidas simples ou regadas com molhos brancos ou de tomate.
Sugestão: tortelloni de ricotta e espinafres Pingo Doce + molho para bolonhesa Pingo Doce

Noodles

As massas noodles são perfeitas para comer em caldos com carne, ovo, camarão e vegetais.
Sugestão: noodles de camarão Pingo Doce

Saiba quais as melhores combinações de massas e molhos

Farinha de trigo e água. Esta é a base da massa italiana. Devido à presença de glúten, a massa é consistente e pode ser cozida sem se desfazer. O sabor relativamente neutro faz dela um ingrediente perfeito para combinar com outros ingredientes, especialmente molhos. Uma delícia.

Aprenda como fazer massa fresca  e experimente as receitas da nossa coleção de massas.

Faça download da infografia Massas: os diferentes tipos e como cozinhá-las

Buon appetito!

Dicas para cozinhar
  • • Cozer a massa numa panela grande e em água abundante a ferver
  • • Colocar sal na água
  • • Mexer a massa durante o cozimento
  • • Se vai preparar um molho, reserve um pouco da água da cozedura da massa
  • • Não coloque azeite na água se pretende juntar outros ingredientes e molhos depois. Sem esse óleo, a massa irá aderir melhor aos acompanhamentos
  • • Não escorrer a água de imediato
  • • Não passar a massa por água fria, retira o sal e o glúten que enriquecem o sabor da massa
  • • As massas recheadas, tipo ravioli, flutuam quando estão cozidas
Receba novas receitas todas as semanas
Subscrever newsletter
Já tem a sua revista Sabe Bem?
Comprar revistaLink externo
De momento não foi possível processar o seu pedido, por favor tente mais tarde

É tão bom
encontrar-nos assim.

Em qualquer lado.

Encontre-nos em: