Originária dos Andes, a batata-doce possui diversas variedades. Algumas têm a polpa branca, outras mais alaranjada ou arroxeada.

Disponível no seu Pingo Doce durante todo o ano, é um ingrediente perfeito para receitas energéticas e reconfortantes. É fonte de potássio, vitamina C e B1, e é excelente fonte em vitamina A.

SAIBA MAIS SOBRE A NOSSA BATATA-DOCE

Escolher e guardar

Na hora da compra escolha os exemplares que estejam firmes. Pode armazená-las por algumas semanas, desde que esteja em local fresco e seco.

Evite o frigorífico, pois o frio tornará a sua polpa mais dura, e mantenha-as longe das cebolas, já que se estiverem juntas ambas se deterioram mais rapidamente.

Preparar

A batata-doce pode ser difícil de descascar devido ao formato irregular. O mais fácil é cozê-las com a casca, depois de bem lavadas, claro, e descascá-las depois. Cozinhá-las desta forma também ajuda a preservar os nutrientes.

Batata-doce

Batata-doce caseira?

Pode cultivar batata-doce em casa. Basta escolher uma batata com brotos a nascer, mergulhar metade em água e deixar à luz, trocando a água de vez em quando. Quando se começarem a formar rebentos, retire-os e coloque-os em água, mais uma vez, até crescerem, passando-os depois para a terra. Ficam especialmente bem num vaso suspenso.

Receitas deliciosas com batata-doce

Mais doce do que a sua “prima” convencional, a batata-doce acrescenta um toque especial a sopas ou guisados, purés e outros pratos em que tradicionalmente usaria a batata branca. Algumas sugestões de substituição são: o polvo cozido ou assado com batata-doce e a salada russa com batata-doce.

A forma mais simples de a apreciar é mesmo simplesmente cozida, mas há quem não a dispense assada no forno. Um os snacks mais deliciosos e fáceis de fazer é chips de batata-doce no microondas ou no forno.

O segredo é fatiar a batata em rodelas muito fininhas, dispô-las numa folha de papel de cozinha e levar ao microondas na potência máxima (3 minutos, de um lado e 2 minutos do outro, aproximadamente), temperando depois com sal e pimenta a gosto. Ou então, fazê-las no forno (15 minutos de cada lado), temperando com azeite e ervas aromáticas.

Experimente fazer chips de batata-doce no forno: irresistíveis!

Dica microondas: Se optar por cozinhá-la inteira no microondas, faça-lhe previamente alguns furos com um garfo para libertar o vapor que se forma durante a confecção e evitar que a casca rebente.

Um petisco mais invulgar é feito com as folhas da batata-doce. Basta refogá-las, picadinhas, em dois dentes de alho, juntar funcho, ou outras ervas a gosto e deixar cozinhar alguns minutos.

Pode também recheá-la com grelos e até fazer uma sobremesa com ela: um bolo de batata-doce!

Tags: